Femen | As ativistas ucranianas que encantam o mundo com seus protestos

20 de novembro de 2011 - Por: , em: Artigo/Notícias

[nggallery id=25 template='galleryview' image='0']

Você talvez não saiba quem elas sejam, mas bem provável que em algum momento ja tenha visto na TV ou na net fotos dessas garotas lindas e ousadas protestando de topless contra algo lá pelos lados da Rússia.

Elas fazem parte da FEMEN, um grupo de ativistas feminino ucraniano, que surgiu em 2008, formando somente por mulheres, insatisfeitas com as autoridades atuais de seu País e com, digamos… a política externa internacional (generalizar deixa tudo mais fácil). Turismo sexual (dizem que o leste europeu tem as primas mais lindas do planeta), preconceito e sexismo foram alguns dos muitos motivos que levaram a FEMEN a fazer um belo, literalmente belo, protesto.

O nível  estético das ativistas é tão elevado que chego  pensar que há um rigoroso teste de seleção para entrar na FEMEN. Deve ter um cartaz na sede escrito algo do tipo “Se você é linda e gostosa, procure uma agência de modelo, mas se você for linda, gostosa, ENCREQUEIRA E NÃO TEM MEDO DE LEVAR SOPAPOS DA POLÍCIA, SEU LUGAR E AQUI. Concluindo: Baranga não tem vez na turma. Quem iria dar atenção a um grupo de barangas protestando lá na Ucrânia? O Sweetlicious que não iria ser.

O movimento conta hoje com cerca de 300 participantes. A ala mais ativa e responsável pelo topless fica por conta de um pequeno grupo de universitárias entre 18 a 20. O restante do movimento costuma se manter vestidas,dando todo apoio.

O objetivo da organização é “agitar as mulheres na Ucrânia, tornando-os socialmente ativos; para organizar em 2017 uma revolução das mulheres”. FEMEN justifica seus métodos provocativos dizendo “Esta é a única maneira de ser ouvido neste país. Se fossem protestos simples, com banners, nossas reivindicações não teriam sido notadas”. A organização planeja se tornar o maior e mais influente movimento feminista da Europa, mas duvido que consiga sem o apoio das barangas.

Hoje o FEMEN recebe apoio financeiro de alguns abastados e artistas simpatizantes da causa. DJ Hell é assumidamente um desses simpatizantes. O grupo alega já ter células em outras cidades pelo mundo como Varsóvia, Zurique, Roma, Tel Avivi e Rio de Janeiro (???????CADÊ as nossas FEMEN???????)

O Facebook inicialmente bloqueou a página FEMEN por classificá-la como pornográfica.

16 Profanaram Adicionar novo comentário

  1. Fabricio Guimaraes disse:

    Aqui no Brasil tbm temos protestos com mulheres semi-nuas. Só que a imprensa dá mais atenção às ativistas da Europa do que as Brasileiras. Procurem por “anastriper” no google e vejam o protesto que ela fez em vídeo no site dela.

  2. Ray jack disse:

    Protesto desse jeito eu aprovo
    xD

  3. lorenzo disse:

    concordo com td q ele disse FAG DETECTED!

  4. ham??? disse:

    protesto, q proteste?

  5. Dr. Diego disse:

    A única coisa que vão conseguir dessa forma é esperma nas tetas, só.

  6. Ed disse:

    É legal de ver!!
    Mas vale tanto quanto uma nota de R$3,00.

  7. undertaker disse:

    Elas podem vir protestar qualquer hora aqui em casa….

  8. leitor disse:

    pode crer, elas nao mulheres objetos,,,,,,sao objetos, carcará pega mata e come.

  9. Shadows disse:

    Imbecis sexistas feministas e hipócritas(Isso define todas as feministas). Em vez de usar da inteligência pra protestar, apresentar idéias, não, vão mostrar o corpo que é mais fácil. Depois se são tratadas como objeto e burras feito amebas, ainda acham ruim né.